FANDOM



Quote1 Ora, ora, então o queridinho do professor vai ajudar o doutor com alguns experimentos no fim de semana, hein? Enquanto nós, os burros, perdemos tempo tendo encontros e curtindo a vida! Quote2
-- Flash Thompson

Aparecem em "Duelo Mortal com o Abutre!"Edite

Personagens Principais:

Personagens Secundários:

Vilões:

Outros Personagens:

Raças e Espécies:

Lugares:

Itens:

Sinopse para "Duelo Mortal com o Abutre!"Edite

Quote1 Não há nada melhor do que zombar dos meus inimigos! Quote2
--Abutre

Nova York está sendo aterrorizada por um novo criminoso chamado Abutre, equipado com asas artificiais que lhe permitem descer do céu sobre suas vítimas, apanhar seus objetos de valor e voar para longe antes que elas saibam o que está acontecendo. Ninguém foi capaz de fotografá-lo e J. Jonah Jameson precisa de imagens para ilustrar seu artigo de fundo sobre o Abutre para a Revista Agora. Peter Parker decide tentar fotografar o criminoso em ação, uma vez que a venda das fotos ajudaria a ele e sua Tia May a pagar as contas.

Enquanto isso, o Abutre está em seu esconderijo, um silo abandonado em Staten Island, elaborando planos para atacar a Joalheria da Park Avenue. Enquanto voa pela cidade, ele é avistado pelo Homem-Aranha, que está equipado com uma câmera em miniatura que pertencera a seu falecido tio Ben. O Homem-Aranha consegue tirar algumas fotos do Abutre, mas o vilão percebe e o ataca por trás, jogando-o em uma torre de água. Depois de sair da torre, o Homem-Aranha volta para casa e adiciona algumas melhorias em seus dispositivos.

No dia seguinte, Peter Parker vai ao escritório de J. Jonah Jameson com fotos do Abutre. O editor fica bastante impressionado e o paga bem. No dia seguinte, Peter vai até a Joalheria da Park Avenue, que o Abutre anunciou ao público como o local de seu próximo roubo. Embora todos esperem que ele faça um ataque aéreo, o Abutre ataca por baixo de um tampão de bueiro, pega uma caixa de diamantes e foge pelo sistema de esgoto de Nova York. O Homem-Aranha usa seu sentido de aranha para rastreá-lo e ganha a batalha com um inversor antimagnético, um dispositivo que ele construiu para neutralizar o poder magnético que o Abutre usa para voar. O Abutre é deixado para a polícia e Peter Parker tira fotos da captura dele, as quais vende para J. Jonah Jameson por uma grande quantia de dinheiro. Peter e a Tia May conseguem equilibrar as contas.

Aparecendo na 2ª HistóriaEdite

Personagens Principais:

Personagens Secundários:

Vilões:

Outros Personagens:

Lugares:

Items:

Veículos:

  • "Nave espacial" do Consertador

Sinopse para 2ª HistóriaEdite

Peter Parker está ocupado no laboratório de ciência da Midtown High School quando o Sr. Warren o introduz ao Professor Cobbwell. O professor precisa de um assistente durante o fim de semana e Peter é altamente recomendado. No dia seguinte, Peter faz um favor indo à Loja de Reparos do Consertador, onde o Professor Cobbwell deixou um rádio para ser consertado. Porém, no porão da loja, um grupo de aparentes extraterrestres estava colocando dispositivos de espionagem nos rádios de alguns clientes. Os aparelhos espiões aparentemente lhes permitiam estimar os pontos fortes e fracos da Terra em segredo antes de atacar.

O sentido de aranha do Homem-Aranha detecta um tipo estranho de radiação emanando do porão da loja. Mais tarde, esse mesmo tipo de radiação é detectado no rádio que Peter levou ao laboratório do Professor Cobbwell. Com a curiosidade provocada, o Homem-Aranha volta em segredo à loja do Consertador e entra furtivamente no porão, onde vê "alienígenas" junto do Consertador e deduz seus planos. Infelizmente, ele é avistado e, na batalha seguinte, acaba sendo atingido por uma arma elétrica do Consertador. Ele é colocado em uma jaula de "resistovidro", da qual o Consertador e sua gangue acreditam que ele não consegue escapar. Eles planejam matá-lo ao retirar todo o ar do compartimento.

O Homem-Aranha frustra seu plano ao atirar um fluido de teia através dos buracos pelos quais sua reserva de ar estava sendo removida. Ele acerta o botão do painel de controle que abre sua prisão. Uma arma mal direcionada inicia um incêndio, e o Consertador aproveita para fugir com os "alienígenas". Eles parecem deixar a Terra em uma imensa espaçonave, enquanto tudo o que resta do Consertador é uma máscara nas mãos de Peter.

Notas de Continuidade

Duelo Mortal com o Abutre!

  • Embora não tenha sido identificada aqui, a secretária no prédio do Clarim Diário é Eleonore Brant. Ela é identificada pela primeira vez em Histórias Não Contadas do Homem-Aranha #12, que também explica o que acontece com ela após esta história.
  • Nesta história, Peter pede a Jameson para manter seu nome em segredo e creditar suas fotos a um fotógrafo do jornal. Isso foi uma tentativa de evitar que seus colegas de classe fizessem uma conexão entre Peter e o Homem-Aranha. Por fim, ele revelou que estava tirando fotos para o Clarim Diário durante uma apresentação da classe, como visto em Histórias Não Contadas do Homem-Aranha #11.

A Grande Ameaça do Terrível Consertador!

  • É revelado que os "alienígenas" desta história são criminosos disfarçados e toda a armação era uma brincadeira para afastar qualquer um que descobrisse suas operações. Isso foi explicado em Peter Parker, o Espetacular Homem-Aranha #51. Essa mesma edição revela que um dos criminosos é Quentin Back, que se torna o Mystério em O Espantoso Homem-Aranha #13.

Notas de Cronologia

Eventos que aconteceram nos bastidores desta edição afetam as cronologias dos seguintes personagens:

Homem-Aranha:

Tia May:

  • Duelo Mortal com o Abutre!

J. Jonah Jameson:

Abutre:

Notas de Publicação

  • Esta edição apresenta o primeiro diagrama detalhando o funcionamento dos lançadores de teia do Homem-Aranha.
  • Esta edição foi reimpressa em outras revistas em quadrinhos e livros, veja as referências para mais informações.[1]


  • Esta edição é tecnicamente a primeira na história das revistas em quadrinhos a apresentar a tradicional caixa do canto na capa. Foi ideia de Steve Ditko incluir um pequeno quadro com o Homem-Aranha. Stan Lee gostou tanto da ideia que pediu para Jack Kirby fazer o mesmo na capa de Quarteto Fantástico #14. No entanto, no mês de lançamento dessas duas edições, Quarteto Fantástico saiu mais cedo, fazendo-a geralmente receber os créditos de história em quadrinhos que introduziu a caixa do canto.[2]
  • O logotipo da capa foi redesenhado por Sol Brodsky e Artie Simek, reposicionando as letras do logo da edição #1 e redesenhando as teias.
  • A capa desta edição é uma das 32 que aparecem na coleção de quadrinhos do videogame de 2000 Homem-Aranha.


Veja TambémEdite


  • Nenhum.


  • Nenhum.

Notas de Rodapé

  1. A primeira história foi reimpressa nos seguintes quadrinhos/trade paperbacks: A primeira história foi reimpressa nos seguintes quadrinhos/trade paperbacks:
  2. Cronin, Brian (8 de julho de 2017). Steve Ditko Invented the Comic Corner Box. CBR.com. Extraído em 28 de março de 2019.



Gostou disso? Avise a gente!

 
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.